Tipos de roteadores: como escolher o ideal para o seu sistema?

tipos-de-roteadores

Como escolher um bom roteador? Esse item é algo essencial em muitas casas e escritórios, principalmente o roteador Wi-Fi. Contudo, por mais popular que seja, ainda é muito comum escolhas erradas de roteadores.

O que configura como roteador errado? Velocidade do roteador, conexão, bem como segurança, interferência, necessidade, entre outros motivos. Desse modo, você pode acabar comprando um roteador que não atende às suas demandas adequadamente.

E como fazer a escolha certa? Prossiga com a leitura do artigo e veja como encontrar o melhor roteador para você!

roteador-wifi

Como escolher os melhores tipos de roteadores para você?

“Roteador é um aparelho responsável por distribuir o sinal de rede da provedora de internet com ou sem fio.”

No mercado, há diversos roteadores disponíveis, com preços que variam de R$ 80 até R$ 10 mil. Seu valor varia conforme suas funcionalidades e recursos individuais que impactam na qualidade e na estabilidade do sinal de rede.

Por isso, há vários tipos de roteadores[1] , como abordamos em outro artigo. Então, como escolher um bom roteador? Confira alguns tópicos que lhe ajudarão a definir o melhor roteador!

O protocolo do roteador

Para começar, decerto você deve escolher um roteador que ofereça um protocolo de comunicação com suporte a um bom número de dispositivos. Se o seu celular ou computador não é compatível, pode haver perda de velocidade da conexão.

Alguns dos padrões de protocolo são:

  • G, um padrão com velocidade até 54 Mbps;
  • N, um padrão com velocidade até 450 Mbps;
  • AC, um padrão com velocidade até 1300 Mbps.

Um roteador com protocolo AC apresenta mais velocidade e ainda traz compatibilidade com padrões antigos. Dessa forma, mesmo se seu aparelho digital for G ou N, ainda consegue apresentar boa conexão com o roteador AC.

Além disso, permite um número de aparelhos conectados maior – sendo até mesmo possível apontar o sinal para uma direção específica (beamforming).

Quais são os tipos de roteadores mais comuns?

  • 802.11a;
  • 802.11b;
  • 802.11g;
  • 802.11n;
  • 802.11ac, que oferece uma taxa de transmissão de dados muito superior e maior estabilidade.

Roteador Dual Band

Outro tópico que decerto é importante é a frequência do roteador, que define três pontos na conexão à rede:

  • Alcance;
  • Nível de interferência;
  • Velocidade do roteador.

Uma frequência de 2.4 GHz oferece um alcance maior, mas é mais sujeita a interferências e possui velocidade menor. Já a frequência de 5 GHz conta com alcance menor, de fato, mas traz mais estabilidade e alcança velocidades maiores.

Por isso, a melhor opção é contar com um roteador Dual Band com ambas as frequências disponibilizadas. Além de ser um aparelho mais completo, o roteador Dual Band ainda permite que todos os aparelhos se conectem, entretanto, alguns não suportam 5 GHz.

Número de antenas

As antenas no roteador ajudam na propagação do sinal, mas não se deixe enganar pelo visual: nem sempre antenas maiores se traduzem em um maior ganho de sinal. O que você deve voltar os olhos é para a medida dBi.

Por exemplo, roteador com antenas de 5 dBi é um roteador bom para locais com dois pisos, mas poucos obstáculos. Conforme vai aumentando, chegando a 9 dBi, se torna um roteador bom para ambiente com obstáculos.

Contudo, você não vai aumentar o alcance do sinal de Wi-Fi, apenas propagará melhor ele. E quanto à velocidade do roteador nas antenas? Num padrão N, consegue alcançar velocidades de até 150 Mbps. Num roteador AC, pode chegar até 450 Mbps.

Tamanho do ambiente

Por fim, outra dica para obter um roteador bom é um fator externo ao aparelho: o ambiente. Ao escolher um roteador, você deve se atentar para:

  • A potência do roteador para dispositivos distantes;
  • Presença de barreiras físicas, como portas, espelhos, paredes e grandes móveis;
  • Local de instalação do equipamento, que deve ser alto e centralizado no espaço.

Combine tudo isso com um bom preço, visando sempre o melhor custo-benefício.

roteadores-de-internet

Quais são as opções de roteadores no mercado?

Na hora de escolher um roteador, é importante levar em conta todos os pontos citados aqui, contudo tem mais uma coisa: a marca. Dentre as marcas de roteadores, se destaca a Cisco, que possui três grandes opções:

  • ASR 920, um aparelho compacto capaz de suprir demandas de negócio e residenciais sem consumir muita energia;
  • ASR 1001-X/1001-HX, que apresenta os serviços de BGP + CGNAT + PPPoE num único aparelho com NAT64  e Dual Stack. Dessa forma, permite algo importantíssimo para conexão: transição entre IPv4 e IPv6;
  • ASR 9901, um aparelho compacto de alta capacidade que oferece até 456 Gbps e 42 portas integradas.

Ao considerar suas opções de roteadores, leve em conta a sua demanda, de forma a descobrir o melhor custo-benefício. Com isso, você será capaz de ficar satisfeito sem gastar muito!